This website requires JavaScript.
Dinamarca Bandeira

Cervejas de Dinamarca

História da cerveja en Dinamarca

A Dinamarca tem uma tradição cervejeira com raízes na era Viking, quando a cerveja era considerada mais segura do que a água como uma bebida a bordo durante a navegação. A cerveja também era considerada uma bebida revigorante ideal para beber antes das batalhas, e era a bebida servida em Valhala—paraíso dos guerreiros segundo a mitologia nórdica. Mesmo a palavra ale é provavelmente derivada do antigo nórdico ault com o significado de bitter, que é por sua vez a origem da palavra dinamarquesa para cerveja øl. Esta tradição terminou na década de 1840, sendo substituída pela expansão imparável da lager industrial . Na Dinamarca, a empresa Calsberg foi fundada em 1847, e logo assumiu todo o mercado, tendo ainda hoje 70% do mesmo. Mas algo começou a mover-se no início de 2000 na cena cervejeira dinamarquesa. Uma comunidade muito ativa de cervejeiras caseiras, organizada na Associação Dinamarquesa de Cervejeiras Domésticas Ølentusiaster foi o terreno fértil para o que viria a ser conhecido como Danish Beer Revolution, com um novo lote de microcervejarias inspiradas pelo movimento artesanal dos EUA, determinado a mudar a paisagem cervejeira do país. Esta primeira geração tem como expoentes máximos cervejeiras como Mikkeller, To Øl, Nørrebro Bryghus ou Amager Bryghus. Actualmente, as cervejeiras dinamarquesas são consideradas uma das mais revolucionárias e de maior qualidade do mundo, e uma nova geração está a elevar a fasquia ainda mais, com cervejeiras como a Ugly Duck, Flying Couch ou a Beer Here.

Cervejeiros de Dinamarca

Artigo Relacionado